Clientes Sekron
  Esqueci a Senha
Conheça nosso site Institucional ›

Posts Tagged ‘ Operação verão

Operação Verão da PM em SP terá reforço de 2 mil policiais

Policiais vão garantir a segurança em cidades do litoral.
Número de bafômetros passará de 100 para 327.

Do G1 SP

A Polícia Militar de São Paulo realiza a partir do dia 29 deste mês a Operação Verão, com o reforço de 2 mil policiais em 15 municípios litorâneos, represas e terminais de passageiros que têm movimento aumentado durante a estação. A operação vai até 31 de janeiro de 2012.

Dos 2 mil policiais militares, 1,2 mil reforçarão a segurança da Baixada Santista e Litoral Sul. Outros 400 serão destinados às cinco cidades do Litoral Norte e 400 às represas Guarapiranga e Mairiporã e aos terminais rodoviários da capital, como Tietê e Jabaquara.

As tropas que reforçarão o efetivo virão de unidades territoriais, do Choque, Rodoviária, Ambiental e Bombeiros. As praias terão um reforço de 158 policiais do Corpo de Bombeiros. O policiamento rodoviário receberá mais 48 policiais. O policiamento de Choque também participará da operação com mais 37 policiais militares. Outra forma de policiamento, o Ambiental, receberá mais 22 policiais militares. Além disso, a corregedoria receberá mais oito policiais.

A Operação Verão contará também com reforço de 235 carros da corporação e 15 bases comunitárias móveis da PM. Serão destinadas ao Litoral Sul 176 carros mais dez bases comunitárias. O litoral Norte receberá 59 veículos e cinco bases comunitárias.

Tablets
Todas os veículos da Polícia Militar na região já estão equipados com tablets, computadores com telas sensíveis ao toque, que permitem consultas aos bancos de dados civis e criminais, feitas da rua. Os tablets também agilizam a comunicação dos policiais em patrulhamento com as unidades de comando, ao permitirem, por exemplo, o envio de relatórios e informações.

O número de helicópteros destinados aos municípios litorâneos também aumentou. Das atuais duas aeronaves, uma baseada no Litoral Norte e outra no Sul, a região passará a contar com sete helicópteros nos finais de semana. Nos dias úteis, cinco helicópteros serão utilizados para o patrulhamento, socorro a afogados e resgate de feridos.

O helicóptero Pelicano, da Polícia Civil, estará de prontidão em São Paulo, e também poderá ser acionado, se necessário.

O policiamento rodoviário contará mais radares móveis, fixos e leitores de placas. Além dos equipamentos disponíveis na região, os policiais rodoviários utilizarão 42 leitores de placa (tipo OCR), 116 radares móveis e 213 fixos, do DER.

Durante a Operação Verão, tanto os policiais rodoviários como os que trabalham nas cidades realizarão fiscalização de embriaguez ao volante, com cem bafômetros. Em janeiro, chegarão novos 227 equipamentos, totalizando 327 bafômetros.

Polícia Civil
Durante a Operação Verão, a Polícia Civil reforçará as atividades de polícia judiciária: registro de ocorrências, investigação criminal e envio de inquéritos à Justiça. Serão suspensas férias e licenças prêmio durante a operação. Todos os policiais reforçarão o efetivo das delegacias, inclusive os que fazem serviços administrativos, esclareceu o delegado geral de Polícia, Marcos Carneiro Lima.

Operação Verão 2011 : Como será a Segurança no Litoral de São Paulo

Segurança reforçada no litoralEntre o final de dezembro e o início de fevereiro, o litoral paulista chega a contar com 9,7 milhões de pessoas – entre moradores e turistas. Por isso, além de aumentar o policiamento preventivo e ostensivo, a Operação Verão 2010-2011 visa melhorar o atendimento ao cidadão, seja evitando filas e demora nas delegacias ou no envio de viaturas aos locais de crime, propiciando uma resposta rápida e eficiente à população em toda a região litorânea.

Quase 5.200 policiais civis e militares, além de dezenas de viaturas, entre elas sete helicópteros Águia, vão reforçar a segurança durante a Operação Verão 2010-2011. No total, 10.888 policiais, por meio de uma ação integrada, vão prevenir e combater a criminalidade nos 15 municípios que compõem o litoral norte e sul.

Ações específicas no litoral sul

Nos municípios de Santos, Iguape, Ilha Comprida, Cananéia, Guarujá, Bertioga, Mongaguá, Itanhaém, Peruíbe, São Vicente e Praia Grande, o Comando de Policiamento do Interior 6 (CPI-6) coordenará cinco ações específicas dentro da Operação Verão; são elas: ‘Operação Direção Segura’ (combate ao alcoolismo no trânsito); ‘Operação Dominó’ (vistoria de irregularidades de trânsito e ilícitos penais em motos e seus condutores e passageiros); ‘Operação Pontual’ (saturação com policiamento ostensivo em determinada
região, normalmente centros comerciais); ‘Operação Visibilidade’ (ação realizada no feriado de Ano Novo, no qual viaturas ficam estacionadas em pontos estratégicos nas rodovias e acessos às cidades, para combater a criminalidade); ‘Operação Praia Segura’ (desenvolvida pelo Corpo de Bombeiros, nas praias do litoral sul).

Ações específicas no litoral norte

Nos municípios de Caraguatatuba, Ubatuba, São Sebastião e Ilhabela, o Comando de Policiamento do Interior 1 (CPI-1) coordenará cinco ações específicas dentro da Operação Verão; são elas: ‘Operação Visibilidade’ (realizada em toda a malha viária do litoral norte pelo Comando de Policiamento Rodoviário/CPRv e Organizações da Polícia Militar/OPMs territoriais); ‘Operação Bloqueio’ (na malha viária e áreas urbanas); ‘Operação Direção Segura’ (malha viária e áreas urbanas, principalmente nas proximidades de locais de eventos); ‘Operação Saturação’ (em áreas estratégicas, desenvolvida pelo Comando de Policiamento de Choque (CPChq) e efetivo de área); ‘Operação Praia Segura’ (desenvolvida pelo Corpo de Bombeiros, nas praias do litoral norte).

Operação Praia Segura

A Operação Praia Segura, coordenada pelo Corpo de Bombeiros, também integra a Operação Verão, embora já tenha sido iniciada no último dia 09 de dezembro, com término previsto para 13 de março, no litoral norte e sul de São Paulo. A ação visa prevenir e combater ocorrências típicas de verão como crianças perdidas, afogamentos, acidentes com embarcações, acidentes de trânsito com vítimas, queda de barreiras, deslizamentos, enchentes e danos ao meio ambiente, entre outros.

Nesta operação são empregados 686 guarda-vidas efetivos, 367 guarda-vidas municipais, contratados pelas prefeituras das 15 cidades alvo da Operação Verão; 150 guarda-vidas temporários contratados por meio de convênio com a Petrobras e Mantecorp – responsável pela aquisição dos equipamentos para os guarda-vidas, e mais 73 guarda-vidas de reforço do Corpo de Bombeiros.
Na ação serão empregados um navio, oito lanchas, 30 botes com motor de popa, 16 jet skis, e 18 quadriciclos. Cada cidade também contará com pelo menos uma viatura da Unidade de Resgate e Salvamento Aquático (Ursa), totalizando o emprego de 24 viaturas deste tipo.

Segurança nas estradas

O 1º Batalhão de Polícia Rodoviária (1º BPRv) trabalhará em conjunto com 19 concessionárias nas rodovias paulistas, visando a fiscalização no trânsito e autuação de motoristas e veículos que não estejam em condições de viajar. As concessionárias serão as responsáveis pela manutenção das estradas, atendimento mecânico e médico.

Durante a Operação Verão, o 1º BPRv executará operações específicas, com o apoio da Polícia Ambiental e do Policiamento de Choque, além do Grupamento Aéreo. Entre as ações previstas, estão as operações ‘Direção Segura’; ‘Cavalo de Aço’ (fiscalização de motos, seus condutores e garupas); ‘Saneamento’ (retirada de veículos quebrados e sem condições de trafegar nas rodovias); ‘Visibilidade’; ‘Ônibus e Caminhão’ (fiscalização de documentos e de veículos em má conservação); ‘Operação Descida e Subida’ (nas rodovias Anchieta/SP-150; dos Imigrantes/ SP-160; e Estrada dos Tamoios/SP-99).

Policiamento de Choque e Grupamento Aéreo

O Comando de Policiamento de Choque (CPChq) empregará 140 homens em várias operações, entre elas a ‘Operação Patrulhamento Inteligente’ (prevenção e repressão ao tráfico de drogas e armas, a entrada e evasão de veículos furtados ou roubados, e ao sequestro); ‘Operação Bloqueio de Área’ com patrulhamento das Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas (Rocam), ‘COE
e RPMont’ (patrulhamento na área dos morros, inclusive com emprego de embarcação na região de mangues).

Durante a Operação Verão a Polícia Militar disponibilizará nove helicópteros Águia para apoio nas áreas do litoral norte e sul. Cinco helicópteros – entre eles um do CPI-1 e outro do CPI-6) – permanecerão na região. Outras quatro aeronaves ficarão de sobreaviso, e se deslocarão para o litoral, se houver necessidade. O efetivo do Grupamento para cada aeronave é de cinco policiais (piloto, co-piloto, tripulantes e mecânico).

Publicado em: 23 dezembro, 2010